CIRURGIA 

CAPILAR

 

Actualmente, são utilizadas duas técnicas cirurgicas, ambas resultantes do metodo de FUT - Follicular Unit Transplant/Transplante de Unidades Foliculares.

 

1. Strip Harvesting
A técnica mais antiga praticada desde 1990 e ainda a mais utilizada e em geral com os melhores resultados finais. Consiste em remover um grupo de unidades foliculares em forma de tira de couro cabeludo da região posterior da cabeça.
Através desta técnica as unidades Foliculares são mantidas intactas, evitando a danificação das mesmas.


Cada unidade folicular contém de 1 a 3 fios de cabelo e raramente 4, existindo em média 2,7 fios de cabelo por unidade.
As unidades foliculares são então separadas com muito cuidado utilizando-se microscópios especiais e luz fria, ficando as unidades depois de separadas em solução adequada a temperatura certa, até se iniciar o procedimento de transplante das unidades foliculares.
Existem muitos factores que contribuem para um melhor resultado final. O mais importante consiste na responsabilidade, experiência e arte do cirurgião e da sua equipa.


Para se atingir resultados com sucesso utilizando esta técnica são necessários os seguintes aspectos:
- Retirar correctamente a tira de couro cabeludo.
- Fechar a região dadora, minimizando a cicatriz.
- Separar correctamente as unidade foliculares.
- Manter sempre as unidades foliculares em solução adequada à temperadura certa.
- Efectuar os orificios na região receptora com a direcção, angulação e tamanho adequado
- Criar uma linha frontal o mais natural possivel.
- Colocar as unidades foliculares com muito cuidado para que fiquem no local e posição certas, sem se danificarem.
- Garantir um correcto pós operatório.
A separação das unidades foliculares é crucial para o resultado final. É muito importante ter uma equipa bem treinada a separar as unidades foliculares de acordo com o número de fios de cabelo de cada unidade.


2. FUE (Folicular Unit Extraction)
Esta técnica é utilizada em transplante de cabelo, assim como de outros pelos do corpo, consiste em utilizar punch preferencialmente até 1mm de diâmetro e retirar unidades foliculares da região dadora e colocar uma a uma na região recetora.

Claro que a utilização do punch não é nova, é antiga, pois já o Dr. Tamura em 1944 os utilizava para colocar pelos púbicos em senhoras. Contudo a grande diferença está no tamanho do punch, utilizando-se atualmente um punch para cada unidade folicular.


Utilizando a técnica de FUE, evita-se o trabalho de ter que separar as unidades foliculares assim como não é necessário fazer cortes, sendo portanto esta técnica menos invasiva.
Esta técnica exige muita experiência e deve ser efetuada manualmente, respeitando sempre a forma e a posição das unidades foliculares a retirar.

Enquanto que na técnica de Strip Harvesting as unidades foliculares são separadas e colocadas na região recetora sem sofrerem qualquer tipo de danificação, na técnica FUE estas poderão ser facilmente danificadas. Pensa-se também que os resultados finais da técnica FUE ficam aquém dos da técnica de Strip Harvesting porque as unidades foliculares devem ser transportadas com mais gordura, o que não acontece na técnica de FUE e ainda que as mesmas devem ser transplantadas evitando ao máximo o trauma, que por vezes é próprio da sua extração. Provavelmente nos próximos tempos a comunidade cientifica irá se pronunciar mais sobre esta técnica.

 

 

Contudo a técnica de FUE tem várias vantagens, como por exemplo:
- A região dadora é maior;
- É ideal para barba, bigode, sobrancelhas e outras partes do corpo;
- Ideal para pacientes jovens que gostam de rapar a cabeça;
- Menos invasivo, sem cortes e não deixando cicatrizes.


3. BHT (Body hair transplante)
Trata-se de uma técnica pouco utilizada que tem como principal objectivo retirar unidades foliculares de vários locais do corpo como por exemplo membros, tórax, região abdominal entre outros e colocar estas mesmas unidades foliculares predominantemente na região onde existe calvície.
Esta técnica utiliza-se em situaçoes em que a região dadora da cabeça é escassa em unidades foliculares. Não sendo nunca uma primeira opção, poderá ser utilizada sempre que necessário.
Com esta técnica também se pode colocar pelos/UF em outros locais do corpo como construir uma sobrancelha, como se pode ver na fotografia ao lado.

 

 

 

A CIRURGIA

 

 

 

Antes de iniciar a cirurgia é lavada a cabeça e de seguida são efetuadas as medições e marcações adequadas.

Posteriormente o paciente é avaliado medicamente, sendo verificados os sinais vitais, estando tudo bem, o paciente é ligeiramente sedado. De seguida é efetuada a anestesia, que é local e troncular.


Para nós é extremamente importante e fundamental que o nosso paciente se mantenha calmo em contacto com o médico e não sinta dor durante todo o período cirúrgico, por esta razão o Dr. Cruz Dinis tem um cuidado muito especial, em picar ou cortar apenas quando está seguro que o paciente já não pode ter dor. Para isso utiliza creme com anestesia local e uma seringa especial chamada Dermojet, que evita qualquer tipo de dor ao introduzir a anestesia.


O procedimento cirúrgico varia de acordo com a técnica utilizada:
No caso de Strip Harvesting, a cirurgia começa com o retirar da tira de couro cabeludo da área dadora, cujo tamanho dependerá do número de unidades foliculares que se pretende transplantar. Após esta intervenção e antes de se fechar a ferida operatória é efetuada a tricofitia da borda superior da ferida operatória, permitindo assim que após a cicatrização seja possível nascer cabelos em cima de toda a cicatriz operatória.
Após a tricofitia é efetuada a sutura. O resultado final consiste numa cicatriz fina, delicada, que mal se vê e que é totalmente coberta por cabelos.


É efetuada de seguida a separação das unidades foliculares, por equipa especializada em que as unidades são separadas de acordo com o número de cabelos presente em cada uma. Esta separação é extremamente cuidadosa para que não exista qualquer danificação das unidades foliculares, preservando a sua anatomia e irrigação sanguinia, garantindo desta forma a integração de todas as unidades transplantadas.
A colocação das unidades foliculares é efetuada com implantadores especiais de nova geraçao (Japoneses e Koreanos), permitindo resultados com alta densidade capilar, sem se deixar qualquer tipo de marca.


Na técnica de FUE, a cirurgia começa rapando-se o cabelo da região dadora.
Apos a regiao anestesiada,sao utilizados punsh especiais de titanium (vindos dos EUA), com diametro maximo de 1 mm, de forma a extraír algumas centenas de unidades foliculares da região dadora, uma a uma, e posteriormente colocadas na região recetora, obedecendo sempre à inclinação e angulação do cabelo natural. A introdução das unidades foliculares é semelhante à da técnica de Strip Harvesting.


Em relação à região recetora, e principalmente nas situações de calvície frontal é extremamente importante ter em atenção a linha frontal anterior da cabeça. Nestes casos, o Dr Cruz Dinis utiliza um método ao qual deu o nome de linha Viroj, em homenagem ao criador deste método, o Dr. Viroj Vong.

Durante anos, Dr. Viroj fotografou centenas de monges De forma a perceber como estão distribuídos os cabelos na região frontal da cabeça.
Classificou então as linhas frontais em 3 tipos diferentes. A partir daqui começou a criar moldes, baseados nas centenas de linhas frontais que tinha estudado. Utilizando estes moldes nos seus pacientes obteve linhas frontais com aspeto bastante natural, obtendo assim ótimos resultados.

 

No final da cirurgia e após a colocação de todas as unidades foliculares é feito o penso da região dadora e colocada sobre a região recetora uma substância especifica com a finalidade de proteger o transplante de cabelo.

 

 

Em média esta cirurgia demora entre 5 a 10 horas, dependendo da quantidade de unidades foliculares que são colocadas.


No final da cirurgia o paciente antes de ter alta é reavaliado pelo Dr. Cruz Dinis, de seguida toma um lanche, voltando no dia seguinte para retirar o penso, lavagem da cabeça e aconselhamento pós-operatório.

 

Colheira em "Strip"

Preparação da Cabeça

Planificação da Cirurgia

Foliculos Capilares

Implantação FUE

Examinação dos Foliculos

HOME

Belleform Institute Brand 2001